fbpx

“Segunda onda” da Covid-19: o que fazer para se proteger

É possível que estejamos próximos da chamada “segunda onda” da Covid-19, visto que nos últimos dias têm se notado um aumento no número de internações, casos e mortes em todo o Brasil.

Até então, não se cogita um novo lockdown, mas sim controle ainda mais rígido das medidas adotadas até então, por isso o alerta para que continuem a se realizar todas ações a fim de minimizar os riscos e aumentar a segurança, principalmente no comércio, nos restaurantes, bares, academias e templos religiosos.

Não custa relembrar a necessidade de higienizar sempre as mãos com álcool em gel, o utilização de máscaras em ambientes fechados e com alto fluxo de pessoas, o distanciamento social mínimo exigido pelos órgãos competentes.

Cabe a cada um de nós fazer a nossa parte, principalmente quando estamos no trabalho, na academia, nos restaurantes, para que em casa possamos continuar tendo a presença e sendo presença àqueles que amamos.

Ver todas as publicações