CORONAVíRUS e os seus impactos na agropecuária

PodIrrigar – Importância da irrigação para a segurança alimentar da população

Em tempo de coronavírus não poderíamos deixar de colocar a agricultura dentro do PodIrrigar – este que é o podcast da agricultura irrigada. Ficamos perplexos quando em tragédias de diferentes magnitudes e em diferentes esferas de governo, rapidamente cifras enormes são colocadas na imprensa para equacionar a situação, e na outra ponta, há sempre dificuldade para investimentos pelos mesmos gestores em ações que poderiam mitigar ou mesmo evitar estas tragédias! Aqui, falo dos investimentos em infra estrutura básica de saúde, saneamento e habitação, por exemplo. 

Estamos diante de uma crise de saúde, com reflexos nunca vistos na economia e no ensino, os papéis se inverteram, mas um fato não mudou neste nosso Brasil: é da agricultura que vai vir o grande esforço, é ela quem vai pagar a conta disso tudo, direta e indiretamente.

Quem foi nosso aluno ou assistiu uma palestra nossa, sabe que nunca vamos direto à parte técnica ligada irrigação, sempre procuramos contextuar a agricultura irrigada, sua importância e seus efeitos multiplicadores na sócio-economia e chegamos a chamar simbolicamente nossos Produtores de Alimentos, de Heróis! Diante desta crise, serão de fato, verdadeiros Heróis.

Da cana para fazer o álcool que sumiu das prateleiras aos alimentos que nos deixarão mais fortes e menos suscetíveis ao vírus, estes Heróis estão trabalhando dia e noite colhendo uma safra que deve bater nos 252 milhões de toneladas, seria maior se fosse a falta de chuva principalmente no RS e parte do MS.

No setor sucroalcooleiro, somente na primeira quinzena de março, em 26 usinas no Centro-Sul a moagem já passou dos 3 milhões de toneladas de cana  e destaca-se a iniciativa da UNICA de destinar 90% da cana para a produção de etanol e a doação de mais de um milhão de litros de álcool graduação 70° INPM para o sistema público de saúde (*) e a demanda por hortaliças e frutas, espacialmente laranja e limão, cresceu em busca da Vitamina C, são exemplos de como o setor vai ajudar substancialmente nesta crise.

Por outro lado, aqueles Heróis que se dedicam a produzir flores também sofrem com a queda de 70% nas vendas, impondo sacrifício grande aos que se dedicaram à esta produção e também sofrem os frigoríficos que trabalham no fornecimento de aves, camarões e suínos.Aí pegamos carona na Jornalista Denise Saueressig, que há duas semanas nos perguntava sobre qual a importância da irrigação para o setor, já que sempre defendemos a ampliação da área irrigada brasileira.

A resposta hoje parece ser mais do que óbvia, além da possibilidade do aumento da rentabilidade do negócio de produzir alimentos, com a segurança hídrica proporcionada pelos sistemas de irrigação garantindo que se possa alcançar a produtividade potencial das plantas, há à possibilidade de escolher o que plantar e quando plantar, e assim, se pode ofertar alimentos ao longo do ano todo, mesmo quando há um aumento da demanda, como se está percebendo neste momento, com a população estocando – inadequadamente, é verdade – alimentos!E assim, os sistemas de irrigação garantem a segurança hídrica do negócio e a agricultura irrigada garante a segurança alimentar da população! Feliz do povo que pode produzir e ter acesso aos alimentos o ano todo!

Ver todas as publicações